Chico Buarque canta ‘Apesar de Você’ em manifestação contra Michel Temer

1

O cantor interpretou a música que desafiou a Ditadura Militar durante manifestação do OcupaMinC no Canecão, Rio de Janeiro.

Análise – Rafael Bruza * com informações da Folha de S. Paulo

Chico Buarque canta “Apesar de Você“ em manifestação contra Michel Temer / Foto – Reprodução (Facebook / Bruno Bou - Cuca da UNE)
Chico Buarque canta “Apesar de Você“ em manifestação contra Michel Temer / Foto – Reprodução (Facebook / Bruno Bou – Cuca da UNE)

Chico Buarque foi especialista em mascarar letras politizadas para transmitir mensagens sem ser pego pela censura da Ditadura Militar, que cerceava a liberdade dos cidadãos em nome da “segurança nacional”. Mas mesmo com essa habilidade de criação, a música “Apesar de Você”, lançada em 1970, foi banida das rádios brasileiras pelo governo Médice. Só foi liberada oito anos depois, quando os anos de chumbo já tinham acabado.

Agora, mais de 40 anos depois do período de maior repressão da Ditadura Militar, a música “Apesar de Você” voltou a fazer sentido político quando o cantor carioca a interpretou durante uma manifestação do OcupaMinC, movimento que fez ocupações pelo Rio de Janeiro em maio de 2016 exigindo o retorno do Ministério da Cultura, que quase foi extinto pelo Governo interino de Michel Temer.

Naquele mesmo mês, os manifestantes conseguiram reverter a decisão do Governo e evitar a extinção do ministério (que viraria secretaria), mas os protestos continuaram e não acabaram nem quando a Polícia Federal expulsou os manifestantes do Palácio Gustavo Capanema, sede do Ministério da Cultura e da Funarte no Rio, onde os cidadãos ficaram instalados durante 73 dias, desde maio até o final de julho.

Os manifestantes exaltam a função política das ocupações. “O ‘Fora Temer’ é um pretexto para construirmos novas formas de se fazer cultura e pensar a sociedade. A ocupação é um laboratório de políticas públicas”, afirmou Dyonne Boy, do movimento “Reage, Artista!”, à Folha de S. Paulo.

Após a ação da Polícia Federal que expulsou os cidadãos da ocupação, a antiga casa de shows, Canecão, também localizada na Cidade Maravilhosa, foi organizada pelos manifestantes e virou a “sede não oficial” do movimento Ocupa MinC, segundo a Folha de S. Paulo.

Cerca de 150 pessoas participam do movimento que limpou e ocupou o local. Os manifestantes dizem que não tem prazo para sair.

Na manifestação que começou na tarde desta quinta-feira (04), ninguém sabia se Chico Buarque iria aparecer, segundo um colunista do G1. O cantor dificilmente aparece em público e só canta nas raras turnês que realiza.

Mas Chico não só apareceu acompanhado do deputado federal Jean Willys (PSOL – RJ), como também cantou o sucesso “Apesar de Você”, que ganhou novo sentido político e serviu de recado para o presidente interino Michel Temer, apontado como “golpista” e “antidemocrático” pelos cidadãos que defendem o mandato de Dilma Rousseff, como o próprio Chico Buarque.

E ao se sentir representada políticamente pela música emblemática de Chico, que se aplica ao Governo interino, a plateia delirou ao cantar “Como vai abafar, nosso coro a cantaaar, na sua frente. Apesar de você. Apesar de você, amanhã há de ser, outro dia”, seguido de um energético “Fora Temer” pronunciado em coro pelos manifestantes presentes.

 

Jornalista formado em Madri, retornou ao Brasil em 2013 para lançar um meio de comunicação próprio. Idealizou, projetou e lançou o Indepedente em fevereiro de 2016. Acredita que o futuro do mundo está dentro de cada um de nós e trabalha para que as pessoas tenham uma visão realista, objetiva e construtiva do planeta Terra.

Facebook Twitter LinkedIn 

Comente no Facebook