Lindbergh Farias e Jair Bolsonaro trocam farpas nas redes sociais

0

Ao comentar os ataques a tiros aos acampamentos em solidariedade ao ex-presidente Lula em Curitiba, o senador Lindbergh Farias (PT-SP) acusou a Rede Globo e o juiz Sérgio Moro de fomentarem uma onda de ódio contra o PT e as esquerdas. Para o senador, os tiros nos militantes do PT são consequência desse ódio. O parlamentar também responsabilizou Jair Bolsonaro.  “Depois tem o Bolsonaro, com esse discurso de intolerância. E o juiz Sergio Moro também é responsável, com essa campanha feita contra o presidente Lula, o PT e as esquerdas desse país”, disparou.

Jair Bolsonaro respondeu por meio de suas redes sociais, ” “mais cedo ou mais tarde, vai se juntar a Lula”, referindo-se ao senador.

No twitter, teve réplica do petista:

“O candidato fascista, porta-voz do ódio, que já simulou uma arma com os dedos e ‘atirou’ num boneco do Lula, resolveu abrir guerra contra mim. Repito o que eu falei: Bolsonaro, vc é sim responsável pela escalada do fascismo e da intolerância”.

Vídeos:

 

 

 

Comente no Facebook