Luiz Felipe D’Ávilla provoca indiretamente João Dória

0

“Não acredito em começar um trabalho e deixar pela metade”, diz Luiz Felipe D’Ávilla

Pré-candidato ao governo de SP, Luiz Felipe D’Ávila provocou indiretamente seu concorrente e prefeito de São Paulo, João Dória Jr, “não acredito em começar um trabalho e deixar pela metade”.

O prefeito de SP pretende abandonar a prefeitura para disputar o governo de São Paulo e manter vivo o sonho de ser presidente da República.

Uma ala do PSDB trabalha pela candidatura de Dória (aqui). O governador Geraldo Alckmin “prefere” D’Avila. O vice-governador Márcio França (PSB) tem amarrações profundas com o governador de SP. Há quem diga que a tendência neste momento é Alckmin fazer jogo duplo em São Paulo, apoiar Dória e França.

Outro pré-candidato do PSDB é Floriano Pesaro, sociólogo e secretário de Desenvolvimento Social.

A decisão está cada vez mais próxima, enquanto ela não chega, D’Ávilla segue seu papel de bode na sala:

Jornalista e formado em ciência política pela UNESP, André Henrique já atuou como docente, assessor parlamentar e consultor político, mas é no jornalismo que o sociólogo se realiza profissionalmente, especialmente na editoria de política.

Comente no Facebook